X

Bellucci aprova o saibro rápido de Rio Preto

Terça, 03 de abril 2012 às 09:12:37 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
O Brasil intensificou nesta segunda-feira a preparação para enfrentar a Colômbia na Copa Davis por BNP Paribas e realizou dois períodos, mas com um reforço no final da tarde para adequar ao horário das partidas no confronto. Thomaz Bellucci aprovou as condições da quadra.

Leia Mais:
Capitão da Colômbia surpreso
Confira o Raio-X do duelo Brasil x Colômbia!
Siga o Tênis News no Twitter!

"A preparação está sendo boa. Hoje a gente fez nosso segundo dia de treinos. As condições estão boas, a quadra está bem dura, a bola está picando bastante e a quadra está rápida. A gente está se preparando muito bem, ainda faltam três dias para sentir mais como está a quadra e fazer alguns ajustes”, afirmou Thomaz Bellucci sobre a superfície situada no Harmônia Tênis Clube em S. J. do Rio Preto (SP).

Já o duplista Marcelo Melo, que chegou na tarde de domingo em São José do Rio Preto, aprovou o fato de poder voltar a jogar com Bruno Soares devido ao entrosamento que os mineiros já tiveram jogando juntos por dois anos no circuito mundial.

“Isso é uma boa vantagem de ter jogado 2 anos. A gente não tem tanto problema de ter que treinar muito junto de novo para ver como que é e entrosar. Eu já sei muito bem o que ele faz e ele sabe muito bem o que eu faço. A chance de jogar com ele de volta num confronto desse é muito boa e é bem importante”, afirma o duplista que fez sua estreia na Copa Davis justamente contra a Colômbia, em 2008.

Após o treinamento em quadra, Marcelo Melo e Thomaz Bellucci formaram uma dupla contra Bruno Soares e Thiago Alves em uma partida de ‘fute-tênis’. Os ‘amici’ (amigos em italiano) Bellucci e Melo venceram o duelo e aproveitaram para provocar os rivais.

“Eu e o Thomaz, os ‘amicis’ verdadeiros ganharam. Tem uma brincadeira dos ‘amicis’ do circuito, eu e o Thomaz, o Thiago e o Bruno. Então os originais ficaram com a vitória no futebol. A gente ganhou por 9 a 8. Nos instantes finais, no ponto decisivo, nossa habilidade falou mais alto”, brincou Marcelo Melo.