X

Brasil vai receber a Colômbia em São José do Rio Preto

Sexta, 24 de fevereiro 2012 às 16:20:19 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
O Brasil vai sediar o confronto com a Colômbia pela final do Zonal Americano da Copa Davis no Harmonia Tênis Clube, na cidade de São José do Rio Preto, no interior de São Paulo, entre os dias 6 e 8 de abril, na busca por um lugar no playoff do Grupo Mundial da principal competição por equipes do tênis mundial.

O Harmonia Tênis Clube já sediou grandes eventos no tênis, como o BVA Challenger, realizado no ano passado, o que ajudou na escolha da cidade para cumprir as exigências da Federação Internacional de Tênis (ITF).

“Conseguimos unir em São Jose do Rio Preto o poder público e a iniciativa privada, além do fator técnico e a qualidade de estrutura, tudo como precisávamos. A ITF ficou tranquila com o local devido à qualidade do challenger que foi sediado no Harmonia Tênis Clube. Isso serviu como uma garantia antecipada das condições da sede para abrigar a Copa Davis”, afirma Jorge Lacerda, presidente da Confederação Brasileira de Tênis (CBT).

Com uma altitude de 489 m, a cidade de São José do Rio Preto foi considerada ideal para a realização do confronto levando em consideração as características de jogo dos tenistas brasileiros, como Thomaz Bellucci, que tem seus melhores resultados jogando no saibro com altitude, condições nas quais foi campeão em Gstaad, na Suíça, Santiago, no Chile, e fez semifinal no Masters 1000 de Madri, na Espanha.

O capitão João Zwetsch aprovou a escolha da cidade que ficou definida nesta sexta-feira. Zwetsch vai comandar a equipe brasileira pela quinta vez na Copa Davis e tenta mais uma vez passar pela Colômbia, contra quem o Brasil tem sete vitórias em sete confrontos, os dois últimos em 2008 e 2009.

“Acho que foi um dos lugares da nossa necessidade, com um pouco de altitude. Conheço bem a estrutura de São José do Rio Preto, estive em torneios recentes lá e o lugar é ótimo”, afirma o capitão João Zwetsch.

“Sabemos que os colombianos jogam bem no saibro e a altitude ajuda muito o Thomaz, que é o nosso principal jogador. É em condições parecidas que ele tem seus melhores resultados. E a ideia era ter um pouco de altitude, mas não muito, pois os colombianos estão acostumados com uma altitude maior. Acho que a escolha veio bem a calhar, a estrutura da cidade é legal e temos as condições para que a equipe possa produzir o seu melhor”, completa João Zwetsch.

Atualmente o Harmonia Tênis Clube conta com o promissor Augusto Laranja treinando no local, assim como o experiente Thiago Alves, ex-top 100 do ranking mundial. Esta será a primeira vez que São José do Rio Preto recebe a Copa Davis, a quinta edição disputada no interior de São Paulo.