X

Tenistas se reúnem para avaliação médica

Sábado, 27 de novembro 2010 às 14:19:02 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Na próxima semana, o tênis brasileiro reunirá os melhores jogadores do país em uma série de eventos, que contará com o Masters Mapfre Juvenil de Tênis, com alguns dos melhores do país em sete categorias, o Correios Brasil Masters Cup, o Sul-americano Interclubes e a etapa final do Circuito Empresarial da CBT, todos em Mogi das Cruzes (SP).

A programação, porém, começa antes, no dia 30 de novembro, no laboratório da Universidade de São Paulo (UNIFESP) e no Esporte Clube Pinheiros, em São Paulo (SP), com nove dos principais atletas profissionais do Brasil acompanhados pelo capitão da Copa Davis, João Zwetsch, em uma série de avaliações físicas comandadas por especialistas do esporte.

A avaliação contará com os quatro convocados do Brasil na última Copa Davis: Thomaz Bellucci, Ricardo Mello, Bruno Soares e Marcelo Melo, além de João Souza, Thiago Alves, Caio Zampieri, Franco Ferreiro e André Sá. Entre os especialistas que comandarão a avaliação, estará também a comissão técnica do país na Copa Davis, com o preparador físico Eduardo Faria, o fisioterapeuta Ricardo Takahashi, o médico Dr. Gilbert Bang, a Dra. Marília Andrade, da UNIFESP, e o também preparador físico Mark Caldeira.

Segundo o fisioterapeuta da equipe, Ricardo Takahashi, o trabalho é o início do monitoramento dos jogadores profissionais brasileiros, e deve se estender pelas próximas temporadas. "A idéia surgiu após as avaliações dos juvenis (realizadas ao longo de 2010). Depois, a comissão técnica da Davis e o coordenador do departamento juvenil da CBT, Patrício, juntaram as forças para que isso fosse para frente. A idéia é de realizar testes periódicos, semestralmente, e acompanhar a evolução durante a temporada", disse Takahashi. "A intenção é realizar três avaliações durante a temporada. Uma na pré, uma durante e outra na pós-temporada", completa o Dr. Gilbert Bang.

Para o Dr. Bang, as avaliações são importantes também para traçar o perfil dos atletas do país. "A principal importância desta avaliação é traçar o perfil do atleta brasileiro (da mesma forma, ocorre com o perfil do tenista juvenil). A maioria do material científico disponível para o estudo do tênis utiliza como referência perfis de atletas estrangeiros. Com esta avaliação, os dados dos melhores tenistas brasileiros servirão como ponto de partida para conhecermos melhor o tenista brasileiro, compará-los ao perfil dos estrangeiros e partir daí serão abertas muitas outras possibilidades de trabalho e pesquisa seja para os profissionais de saúde seja para o departamento técnico. Outro ponto importante é o suporte que a CBT passa a oferecer aos seus atletas de alto rendimento em termos de saúde", disse Bang.

As avaliações serão realizadas na UNIFESP e no Pinheiros até o dia 02/12, e depois continuam no Paradise Golf & Lake Resort, em Mogi das Cruzes, até o dia 05 de dezembro.