X

Ex-capitão da Austrália na Davis cobra melhor desempenho de Tomic

Quarta, 24 de novembro 2010 às 17:27:03 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Ex-capitão do time australiano na Copa Davis, John Newcombe pediu urgência para que a jovem promessa local, Bernard Tomic, entre em melhor forma física e comece a trabalhar com o novo comandante do time na Davis, Patrick Rafter, e também com o outro integrante da comissão, Tony Roche, que já teve como pupilos o seu compatriota Lleyton Hewitt e o suíço Roger Federer.

''Eu não tenho conhecimento suficiente, mas o que eu sei é que ele não faz o treinamento físico adequado fora das quadras para manter seu corpo em forma. Se ele ficar 100% fisicamente, não há razões para que ele não seja Top-30 ou Top-20. Mas não sabemos o que ele pode fazer, porque não vimos isso ainda'', disse Newcombe, que chegou a ocupar a posição de número 1 do mundo.

Aos 18 anos, Tomic começou muito bem a temporada, alcançando uma vitória na chave principal do Australian Open e perdendo apenas na segunda fase, quando foi superado pelo croata Marin Cilic, em partida decidida apenas na quinta etapa, com parciais de 6/7(6) 6/3 4/6 6/2 6/4, após quase quatro horas em quadra.

''Tomic sabe realmente como jogar o jogo, mas eu acredito que ele provavelmente usa apenas 60% do seu potencial. Na minha opinião, ele é muito cauteloso e tem talento para ser bem melhor do que ele é no momento. Ele pode bater firme na bola, tem um bom ritmo, mas não quer utilizá-los. Vai ganhar uma partida aqui, outra ali, mas não está tendo armas suficientes '', acrescentou o ex-tenista profissional.

''Eu acho que a situação ideal para Tomic e para o tênis australiano seria se ele treinasse com Rafter e Roche e também jogasse a Copa Davis com Hewitt. É uma experiência incrível de aprendizagem que você não pode ter em qualquer lugar. Foi assim que Rafter se tornou um grande jogador e que Lleyton chegou a ser número 1'', concluiu.