X

Federer liquida Murray e só desastre o tira da semi em Londres

Terça, 23 de novembro 2010 às 13:51:30 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Com uma ótima atuação, Roger Federer derrotou Andy Murray com certa facilidade e ficou bem perto de uma vaga na semifinal do ATP World Finals, torneio que reúne os oito melhores do ano e é disputado na O2 Arena de Londres.

Leia Também:
Federer 'chocado' com o alto nível contra Murray
Siga o Tênis News no Twitter!

O número dois do mundo se aproveitou também de muitos erros e da apatia do quinto colocado para marcar 2 sets a 0 com parciais de 6/4 6/2 após 1h17min de encontro.

Com o resultado, Federer chega à duas vitórias sem perder sets e está muito próximo de se classificar à semifinal. Com o triunfo de Robin Soderling sobre David Ferrer por um duplo 7/5, Federer precisa ganhar um set para ir à semi. Caso isto não aconteça ele precisa perde feio pra Soderling e ainda ver Murray dar uma surra em Ferrer. Haveria aí um tríplice empate com o escocês e o sueco e ele não garantiria a vaga pelos games average.

A vitória é a 31ª em 38 jogos de Federer na competição onde possui quatro títulos - 2003, 2004, 2006 e 2007 -. De quebra ele se vinga das quedas nas finais dos Masters de Toronto (Canadá) e Xangai (China) e diminui a desvantagem do rival para 8 a 6 no retrospecto.

O jogo

Murray não conseguiu se achar na devolução de saque na primeira etapa com Federer sacando 48% dos primeiros serviços. Ganhou apenas três pontos na resposta, dois deles no últio game onde abriu 0/30, mas não teve break-points. O escocês errou demais (13 contra 6 de Federer) e teve o saque quebrado no terceiro game. Federer marcou 6/4 em 36 minutos disparando onze winners contra seis do rival.

Na segunda etapa o primeiro game foi crucial.Murray salvou dois breaks e teve várias oportunidades de confirmar, mas seguia nos equívocos. Federer aproveitou a terceira chance, abriu 2/0 e o natural de Dunblane baixou a cabeça, seguiu cometendo erros e foi presa fácil para Federer quebrar de novo com linda passada e encerrar a contagem por 6/2.

O número total de erros do tenista da casa foi de 26 contra 14 winners. Federer errou apenas dez e disparou 19 bolas vencedoras.