X

Bruno Soares lamenta rendimento abaixo do esperado

Sábado, 18 de setembro 2010 às 13:49:44 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
A dupla brasileira Bruno Soares e Marcelo Melo bem que tentou, mas não conseguiu evitar o primeiro ponto da Índia no segundo dia de jogos da equipe brasileira em solo indiano, no confronto válido pelos Play-Offs do Grupo Mundial da Copa Davis, em Chennai (IND).

Os experientes Leander Paes e Mahesh Bhupathi, ídolos locais, venceram os brasileiros em três sets, parciais de 6/4 7/6(5) e 6/1, diminuiram a vantagem brasileira para 2 a 1, e levaram a decisão do confronto para o domingo. No terceiro dia de jogos, Thomaz Bellucci abre o dia às 3h de Brasília contra o número um indiano, Somdev Devvarman, e Ricardo Mello entra a seguir para enfrentar Rohan Bopanna. O Brasil precisa de uma vitória para voltar a disputar o Grupo Mundial da Davis depois de 7 anos de ausência.

No jogo deste sábado, Bruno e Marcelo entraram desconcentrados, e viram Paes e Bhupathi abrirem 4/0 logo no início da partida. Depois, os brasileiros entraram no jogo, tiveram chances de empatar, mas acabaram perdendo a parcial com 6/4. No segundo set, Bruno e Marcelo voltaram à carga, pressionaram principalmente o serviço de Mahesh Bhupathi, chegaram a ter quatro chances de fechar o set e abriram 4/1 no tie-break, mas os indianos conseguiram a virada e o 7/5 no desempate. Depois, menos motivados, os brasileiros cederam 6/1.

Depois do jogo, Bruno Soares ressaltou o grande jogo da dupla indiana. "Eu acho que fomos bem. Nós começamos com o Marcelo sacando bem, mas logo no início eles devolveram demais, jogaram muito e abriram 4/0. Depois a única coisa que a gente podia fazer era lutar, sacar bem, e nós voltamos jogando muito bem, tivemos um grande segundo set, chances ali no 5/4 e duas vantagens no 6/5, 4/1 no tie-break, eu tive ali duas devoluções, mas eles de novo se defenderam muito bem".

Bruno também disse que não conseguiu jogar seu melhor neste sábado. "Em nenhum momento eu consegui dar o meu melhor, estive bem abaixo. Eles também são uma dupla que complica o jogo, se movimentam muito, variam bastante, fazem você pensar o tempo todo. Mas foi uma pena, nós lutamos e se vencessemos o segundo set as coisas poderiam ser diferentes", disse ele.

Já Marcelo, que fez um grande jogo de saque e teve boas devoluções em quase toda a partida, também lamentou as oportunidades desperdiçadas no segundo set. "Acho que o jogo escapou ali naquele segundo set, tivemos boas oportunidades. Faltou casar um pouco as devoluções, mas isso é coisa de jogo, a gente estava sob pressão, liderando a série, na casa deles, eles tem uma ótima dupla. Acho que a gente fez um bom jogo. Se a gente manter esse nível teremos bons resultados também no circuito", completou.

Melo, grande amigo de Thomaz Bellucci, disse que acredita na vitória brasileira no primeiro jogo deste domingo. "Ainda não falei com ele sobre o jogo, mas sei que ele um grande jogador, provou isso ontem aqui, é experiente neste tipo de jogo. Pra ele é um jogo melhor, o cara troca mais bola, dá mais ritmo, e combina mais com o jogo dele. Acredito nele e acho que ele vai vencer, sim", completou Melo.