X

Nadal dá show em Verdasco e lutará pela final do US Open

Sexta, 10 de setembro 2010 às 00:02:07 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
E o sonho de Rafael Nadal conquistar o único Grand Slam que lhe falta, o US Open, está ficando cada vez mais perto. Na noite desta quinta-feira, o número 1 do mundo se classificou para semifinal ao bater o compatriota Fernando Verdasco.

Nadal relata problemascom o vento e prevê dificuldades contra Youzhny

Nadal precisou de 2h21min para superar o oitavo colocado com parciais de 7/5 6/3 6/4. Esta foi a 11ª vitória em 11 partidas de Rafa contra Verdasco no circuito.

O número 1 do mundo,vencedor de oito Grand Slams, alcança sua terceira semifinal consecutiva e tentará a primeira decisão do evento jogado nas quadras rápidas de Flushing Meadows, em Nova York. Ele venceu cinco partidas até agorasem perder sets e só foi ter o saque quebrado neste jogo.

Para isso deve bater o russo Mikhail Youzhny, 14º do mundo, que derrotou em cinco sets o suíço Stanislas Wawrinka.

Nadal e Youzhny jogaram onze vezes no circuito e o natural de Manacor ganhou sete, mas o tenistado leste europeu venceu o único duelo entre os dois no Aberto dos Estados Unidos nas quartas de final de 2006.

O jogo

Nadal largou o jogo com dificuldades pela ventania. Ele não conseguia encaixar seus golpes e acabou sendo dominado por Verdasco que se adaptou mais rapidamente e abriu 4/2 acelerando no fundo. Mas Nadal virou o encontro com uma dupla-falta de Verdasco e no 12º game foi pra cima, viu o rival cometer erros e após lindos voleios encerrou a contagem por 7/5 em 59 minutos. Verdasco cometeu 19 erros não-forados contra 11 de Nadal que fez oito bolas vencedoras contra 10 de Fernando.

A partir do segundo set Rafa passou a dominar as ações e começou a dar show com winners espetaculares na corrida, ótimas defesas e lances de plástica como um bate-pronto de costas dando um giro de 360º.

Verdasco perdeu o saque de bobeira no sexto game após ter 40/15 e Nadal abriu 5/2 para fechar sem sustos por 6/3. Na terceira etapa as forças de Fernando, que havia jogado 4h22min contra David Ferrer na terça-feira, acabaram. Nadal quebrou logo no começo e foi sustentando até fechar com um erro de Verdasco na rede: 6/4.