X

Nadal diz que a bola dificulta sua vida no US Open, mas espera ser campeão

Quarta, 01 de setembro 2010 às 09:14:50 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Apesar da complicada vitória de 7/6 7/6 6/3 sobre o russo Teymuraz Gabashvili, 93º do mundo, Rafael Nadal gostou de sua atuação principalmente no serviço em sua estreia no US Open na noite desta terça-feira.

"Gosto de jogar 1h10min, ganhar de forma mais fácil, algo como o Roger (Federer) fez na última noite. Mas em Grand Slam não existe jogo fácil ainda mais nessas primeiras onde o adversário não tem nada a perder. Djokovic teve uma partida dura, Soderling ganhou em cinco sets", disse o número 1 do mundo que precisou de quase três horas para vencer seu primeiro desafio.

"Foi uma partida dura, mas joguei bem. Meu saque funcionou bem. A concentração estava alta o tempo todo, o forehand foi be,. O backhand não foi mal como estava nas últimas semanas, só falta ter um pouco mais de confiança pra melhorar. Só jogar um pouco mais agressivo e me manter calmo, o resto está na direção correta".

Nadal comentou que a bola o atrapalha no US Open, único Grand Slam que ele nunca venceu: "É mais difícil pra mim por causa dela (a bola). Ela é mais fácil pra quem joga chapado ao invés de quem joga com top spin. Masjá ganhei as Olimpíadas em 2008 com essa boal e em Pequim 2005 também. Posso fazer de novo".

Na segunda fase Nadal terá pela frente o uzbeque Denis Istomin, 39º do mundo: "Ele vem jogando bem, oponente complicado. Em Queen´s ganhei com 7/5 ou 7/6 no terceiro set. Ele joga de forma mais calma que o Gabashvili. Tenho que manter o que fiz hoje e ser mais calmo com um pouco mais de agressividade".